Blog do Erick Gomes

Erick Gomes
Bacharelando em Direito
WhatsApp: (82) 9 9691-1657

* O conteúdo deste blog é de inteira responsabilidade de seu idealizador

Gostou do conteúdo dessa página?

Compartilhe com seus amigos em sua rede!





09/06/2017

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário

Os fatos dominam os boatos

 
Em um Estado Democrático de Direito, não foge da normalidade o ato de denunciar alguém ou de ser, em algum momento, objeto de investigação. Isso nunca foi desvantagem para quem tenha a consciência limpa.
 
Ruim seria se as pessoas pudessem ser acusadas/denunciadas sem ter a apuração qualquer ou se as autoridades policiais encontrassem obstáculos para realização das suas atribuições mais legítimas. Correríamos o risco de inocentar ou de culpar a todos sem o devido cuidado.
 
Se não tivéssemos essa organização estatal, boatos e ofensas dominariam a vida em sociedade. Fosse assim, o presente e o futuro pertenceriam aos injuriosos e caluniadores. No entanto, os boateiros não têm chances e, indiscutivelmente, vez por outra, encontram como ônus a obrigação de pedir desculpas.
 
Viver em um Estado Democrático de Direito nos conduz à defesa da Justiça e da Democracia, da qual decorrem duas consequências: 1) os fatos valerão mais que os boatos; 2) a soberania popular e as instituições deverão ser sempre respeitadas, plenamente.
 
Essa é uma importante reflexão para os tempos atuais. Frequentemente, a simpatia ou a ausência pelo outro dela parece ser o principal critério para a aferição de culpabilidade ou de inocência. Precisamos de mais respeito às pessoas e às instituições, afinal, em contrário disso, é possível que sejamos os únicos que falharam ao deparar-se com um caso concreto.
 
Os fatos são limites aos quais devemos atentar, em nome da honestidade que almejamos reputar a si próprios.

18/05/2017

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário

Não tem pra onde: Temer tem que cair!


Escândalo nacional! Não que seja novidade confusão, corrupção, roubalheira e safadagem política neste Brasil. Porém, deixa estampado a podridão de governantes. O presidente comprou o silêncio de Eduardo Cunha. Não tem mais saída. Não tem pra onde: Temer tem que cair!

Querem Lula preso sem provas suficientes de ser dono de um apartamento. Botaram para fora a presidente eleita por pedaladas fiscais. Temer é face da mesma moeda e, se já não restava dúvidas, agora não restam alternativas: o presidente é corrupto da pior espécie. Corrupto que tem medo de corrupto e compra o silêncio de quem tá na cadeia.

Repito... Não tem pra onde: Temer tem que cair!
123