07/09/2011 | 23:59 | AlagoasWeb com AD Alagoas

AlagoasWeb

AD São Miguel dos Campos desfila lembrando Centenário da igreja no Brasil

Igreja em São Miguel comemorando 78 anos de fundação

O Centenário das Assembleias de Deus no Brasil foi o foco do tradicional desfile da igreja em São Miguel dos Campos, realizado nesta quarta-feira (7), pelas ruas centrais da cidade. Segundo os organizadores, em torno de 2.500 pessoas – entre membros e congregados – participaram das atividades que integrou a programação festiva dos 78 anos de fundação da Assembleia de Deus em São Miguel dos Campos e mais nove anos de Confraternização da Mocidade.

Sob a direção do pastor José Orisvaldo Nunes de Lima, no município, que também exerce a vice-presidencia da Convenção dos Ministros da Igreja em Alagoas (Comadal), o desfile mais uma vez despertou os olhares da população que acompanhou todo o trajeto e prestigiouo evento aplaudidos, como forma de reconhecimento.

Este ano, os organizadores confeccionaram quase 2.400 camisetas com as cores da denominação, que destacavam as figuras dos precursores do chamado movimento pentecostal no Brasil, os missionários suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren. Da mesma maneira, os missionários Otto e Adina Nelson, casal que trouxe a chama do Evangelho e esta forma de servir ao Senhor para Alagoas no ano de 1915, estes também tiveram destaque e foram representados durante o grande desfile.

Foram lembrados em carros alegóricos o pastor da Igreja da Santidade e filho de escravos americanos, Joseph Seymour, por sua bravura e desprendimento na pregação do Evangelho, além da irmã Celina Albuquerque – que foi curada de câncer durante oração feita por Gunnar Vingren e Daniel Berg –, a irmã Damiana Silva (conhecida por Zoia) – nascida em Maceió e que esteve presente no primeiro culto pentecostal em Alagoas dirigido pelo missionário Otto Nelson –, e o evangelista José Antônio de Almeida que foi enviado ao município de São Miguel dos Campos, em 1933, por designação do pastor Antonio Rego Barros, então presidente da igreja no Estado.

Um dos pontos alto do desfile e que atraiu a atenção foi a réplica do navio Clemente que trouxe os missionários Vingren e Berg para o Brasil. A alegoria foi produzida pelo diácono Wilton, também artista e que serve ao Senhor na congregação do loteamento Edgar Palmeira, na parte alta da cidade.

Percurso
A concentração para o desfile foi no local já tradicional, o Bairro Geraldo Sampaio, conhecido Bairro da Rodoviária. De lá, a multidão cruzou todo o centro, passando pelas principais ruas da cidade e concluindo o trajeto na Praça do Relógio, onde foi realizado um culto 'culto relâmpago, pelo pr. Orisvaldo Nunes. Grande parte dos fiéis estavam vestidos com as camisetas do Centenário e seguraram uma bandeirola com a logomarca da data comemorativa.

Segundo o coordenador dos departamentos do desfile, evangelista Marcos Ferro, em torno de 400 pessoas, divididas em 12 equipes, compuseram a organização, cujo coordenador-geral foi o presbítero Olímpio.

Mais Imagens


Leia mais sobre Geral


Horário de verão começa amanhã, dia 15

Previsão mostra sol entre nuvens e períodos nublados dura...

Feriado tem previsão de predominância de sol

GCM de São Miguel dos Campos participa de exposição em sh...

Trabalhadores aceitam proposta e encerram greve nos Correios

Previsão aponta predominância de sol no final de semana

Empregados dos Correios mantém greve e convoca ato para o...

Caminhada na orla de Maceió vai marcar o dia estadual de ...

Previsão é de tempo bom para o final de semana em Alagoas

HGE pede ajuda para localizar família de paciente

Publicidade