Trânsito

22/10/2011 | 16:45 | Minuto Sertão

Caminhão perde freios e cai nas águas do Rio São Francisco



Durante a madrugada desta sexta feira (21) um caminhão de placa IAC 4628 caiu nas águas do Rio São Francisco na Vila Niterói, em Porto da Folha (SE), na divisa do Estado com Alagoas. O local do acidente fica em um ponto de Balsa, próximo a cidade de Pão de Açúcar (AL).

De acordo com moradores da Vila o caminhão que estava carregado com sacas de milho pode ter perdido os freios em uma ladeira próxima ao vilarejo. O condutor ainda teria evitado que o veículo desgovernado tombasse sobre as residências o desviando na direção das margens do Rio São Francisco onde caiu nas águas e rapidamente ficou submerso.

Populares ajudaram no resgate do motorista e um ajudante, ambos de nomes não revelados, que logo após foram encaminhados para a Unidade de Emergência de Arapiraca. Seus estados de saúde eram considerados graves.

Uma Equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF/SE) compareceu ao local e registrou o caso. No momento o caminhão ainda se encontrava nas águas do Rio.

Outras vezes
Segundo moradores da Vila, esta não é a primeira vez que acidente como este acontece. Há cerca de dois anos, um ônibus também após perder os freios teria caído naquelas águas. Ninguém ficou ferido devido o condutor ter abandonado o veículo.

No local do acontecido fica o ponto da Balsa que realiza a travessia de veículos para a cidade de Pão de Açúcar (AL) e existem algumas lombadas, além de placas informando o fim da pista. Mas motoristas, principalmente de carros longos e pesados estariam desrespeitando os limites.

Publicidade
Elohim Net - Provedor de Internet

Siga-nos

Publicidade

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário