Concurso


03/11/2016 | 06:25 | Edital Concursos Brasil

Projeto de lei orçamentária aprova 400 vagas para o Concurso da Receita Federal

Lançamento do edital ainda depende de aprovação do projeto no Congresso e sanção presidencial

Reprodução


Aumenta a expectativa para lançamento do Concurso da Receita Federa do Brasil, que vem sendo aguardado para o ano de 2017. Isso por causa da informação presente do PLOA, o Projeto de Lei Orçamentária da União, que prevê a oferta de 400 vagas para os cargos de auditor-fiscal, analista tributário e assistente técnico-administrativo.

No entanto, ainda não existe a confirmação oficial de que o edital, de fato, será lançado. Isso por que o PLOA ainda deverá passar pela aprovação do Congresso e pela sanção presidencial, de forma a haver a possibilidade de sanções e vetos. É válido ressaltar, todavia, que a necessidade de pessoal para a Receita é grande e a importância dessas funções é de elevado grau para o funcionamento da instituição pública.

ÚLTIMO CONCURSO DA RECEITA FEDERAL
O último lançamento de edital para o Concurso da Receita Federal aconteceu ainda no ano de 2014, quando foram ofertadas 278 vagas para o cargo de Auditor-Fiscal. A remuneração, na ocasião, foi de R$ 14.965,44 mensais.

No entanto, é sabido que esse valor será reajustado positivamente em caso de concurso no próximo ano.

A seleção foi constituída de uma primeira etapa objetiva de conhecimentos gerais, uma segunda etapa também objetiva de conhecimentos específicas, uma terceira etapa de prova discursiva e uma avaliação de sindicância de vida pregressa.

DÉFICIT DO CONCURSO DA RECEITA FEDERAL
A grande expectativa em torno da aprovação da PLOA e o consequente lançamento do concurso da Receita Federal se deve ao elevado déficit de pessoal que a instituição possui, bem como o seu papel relevante no processo de recuperação econômica do país.

O Tribunal de Contas da União (TCU), inclusive, já havia feito alguns apontamentos a respeito da falta de funcionários na Receita em razão da elevada quantidade de aposentadorias concedidas. Entre os anos de 2009 e 2014, os dados dão conta o déficit de mais de dois mil auditores.

Publicidade
Associação Comercial Empresarial Miguelense

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário