Justiça


16/12/2016 | 07:25 | 180 Graus

'Viúva da Mega-Sena' é condenada a 20 anos de prisão por homicídio


Reprodução


Após três dias de julgamento, Adriana Ferreira Almeida, a ex-cabeleireira conhecida como 'Viúva da Mega-Sena', foi condenada a 20 anos de prisão pela morte do ex-marido, Renné Senna, ganhador do jogo.

O crime aconteceu em 2007 e a sentença de Adriana foi divulgada na noite desta quinta-feira (15/12), na 2ª Vara Criminal de Rio Bonito (RS).

Segundo a justiça, ela foi a mandante do crime e teria contratado dois ex-seguranças de Renné para o assassinato. Os dois estão presos e cumprem pena de 18 anos.

Quem proferiu a sentença foi o juiz Pedro Amorim Gotlib Pilderwasser, titular da 2ª Vara.

Adriana já foi presa e não pode cumprir a pena em liberdade.

Publicidade
Servcon - Contabilidade & Consultoria

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário