16/12/2016 | 07:25 | 180 Graus

Reprodução

'Viúva da Mega-Sena' é condenada a 20 anos de prisão por homicídio


Após três dias de julgamento, Adriana Ferreira Almeida, a ex-cabeleireira conhecida como 'Viúva da Mega-Sena', foi condenada a 20 anos de prisão pela morte do ex-marido, Renné Senna, ganhador do jogo.

O crime aconteceu em 2007 e a sentença de Adriana foi divulgada na noite desta quinta-feira (15/12), na 2ª Vara Criminal de Rio Bonito (RS).

Segundo a justiça, ela foi a mandante do crime e teria contratado dois ex-seguranças de Renné para o assassinato. Os dois estão presos e cumprem pena de 18 anos.

Quem proferiu a sentença foi o juiz Pedro Amorim Gotlib Pilderwasser, titular da 2ª Vara.

Adriana já foi presa e não pode cumprir a pena em liberdade.


Leia mais sobre Justiça


Acusados de matar criança de 5 anos em Maribondo vão a jú...

Professor que comparou cerveja escura a mulher negra se t...

Fachin aguarda decisão do plenário do STF para enviar den...

Empresário é condenado a 57 anos por transmitir estupro d...

Justiça condena Supermercado Extra a indenizar cliente ac...

Lula diz que Palocci é calculista, frio e simulador

Pedido de vista adia julgamento de prisão de prefeito de ...

São Miguel dos Campos e mais quatro municípios aderem ao ...

MPF denuncia Lula, Gilberto Carvalho e mais cinco na Oper...

Procurador pede que STF derrube emenda que liberou vaquejada

Publicidade