Bizarro


22/02/2017 | 13:40 | AlagoasWeb com informações de agências | Por JC Nicácio

Professora chama a polícia depois de ser atacada por ‘lobisomem’


Reprodução


O palco do fato é a cidade de Iguatemi, no interior de Mato Grosso do Sul, onde na madrugada da terça-feira (21), a professora Regina Abreu, protagonizou o acontecimento, ela foi ‘atacada por um lobisomem’.

O evento poderia se transformar numa mera estória de terror, caso a denunciante estivesse sozinha, mas ela tem testemunhas do ocorrido, seu esposo, uma filha e outra pessoa, que disse ter visto a suposta assombração, só conhecida na mitologia.

A professora contou à polícia que estava conduzido seu veículo quando a criatura lendária avançou contra o carro.

Assustada, a mulher de 55 anos parou o veículo, e acabou tomando conhecimento que outra pessoa também tinha visto o ser grande e peludo, fugindo para uma região de mata logo após o suposto ataque.

O acontecimento não é inédito na cidade e a professora seria apenas mais uma das vítimas da criatura, que já apareceu para dezenas de moradores da pequena e pacata Iguatemi, de pouco mais de 15 mil habitantes.

Como em outros casos, a Polícia Militar registrou a denúncia e prometeu caça o bicho.

Publicidade
Câmara de Vereadores

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário