Interior


02/03/2017 | 14:10 | AlagoasWeb | Por JC Nicácio

Usina Seresta encerra safra e demite mais de 250 funcionários

'Crise no setor' é justificativa da empresa para demissões

Reprodução

Usina Seresta


A demissão em massa de funcionários da Usina Seresta, indústria pertencente à família do ex-governador de Alagoas, Teotônio Vilela Filho, surpreendeu os colaboradores da empresa neste final de safra.

Cerca de 250 funcionários, de todos os setores e níveis, foram dispensados. As demissões acontecem após o encerramento da safra 2016/2017, encerrada na segunda quizena de fevereiro.

De acordo com os funcionários demitidos, a justificativa da empresa é a crise no setor sucroalcooleiro. A indústria é a principal fonte geradora de renda do município de Teotônio Vilela, onde está instalada desde 1973.

A notícia das demissões caiu como uma bomba para a comunidade e o comercio local, “o país já vive um momento difícil, agora só esperamos o pior”, comentou um morador da cidade ao falar com a reportagem do AlagoasWeb.

Usina não se manifestou oficialmente sobre as demissões.

Publicidade
Associação Comercial Empresarial Miguelense

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário