19/03/2017 | 20:05 | Veja

Ricardo Stuckert/Instituto Lula

‘Eles que peçam a Deus para eu não ser candidato em 2018’, diz Lula

Em inauguração extraoficial da transposição do São Francisco, Lula mirou em 2018

O ex-presidente Lula falou como candidato ao pleito de 2018 em palanque na cidade paraibana de Monteiro neste domingo (19). Em “cerimônia extraoficial” de inauguração do eixo leste da transposição do rio São Francisco, Lula reivindicou a paternidade da obra.

“Dilma e eu temos orgulho de dizer: nós somos o pai, mãe, irmão, tio, primo e sobrinho da transposição das águas do São Francisco”, disse. Na semana passada, o presidente Michel Temer realizou a inauguração oficial e afirmou que “a paternidade [da obra] é do povo brasileiro e do povo nordestino”.

Acompanhado por petistas como a ex-presidente Dilma Rousseff, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, o presidente do PT Rui Falcão e a senadora Gleisi Hoffman, Lula disse que “está longe de definir candidatura”, e que só poderia fazê-lo com aprovação do PT. Mas provocou: “Eles que peçam a Deus para eu não ser candidato. Se eles quiserem brigar comigo, eu vou brigar com eles nas ruas desse país”.

No mesmo evento, Dilma acusou a Lava Jato de promover um “segundo golpe”. “O objetivo é impedir que candidatos populares sejam colocados à disposição do povo. O Lula é esse candidato”, discursou.


Leia mais sobre Política


Lula lidera intenção de voto, mas Bolsonaro cresce em seg...

Joesley diz estar preso porque 'mexeu com poderosos'

Secretário de São Miguel é eleito representante regional ...

Funaro: Temer recebeu e negociou propina

Dilma, Lula, Gleisi e outros cinco petistas são denunciad...

Avião que levava deputados faz pouso de emergência no MT

Clima de 2ª denúncia mina base de Temer

Joesley chama Temer de 'ladrão' e diz que presidente não ...

Aumenta pressão contra Temer com ameaça de nova denúncia

Lula diz que Bolsonaro é fruto do analfabetismo no Brasil

Publicidade