19/04/2017 | 07:40 | AlagoasWeb com agências

Reprodução

Vende-se: Usinas de João Lyra valem R$ 439 milhões


As usinas de cana-de-açúcar Vale do Paranaíba e Triálcool, que integram a Massa Falida Laginha Agro Industrial, do empresário João Lyra, deverão ser colocadas à venda pela Justiça no próximo dia 28 em Alagoas.

A audiência de entrega e abertura das propostas pela compra das unidades está programada para a partir das 9h na 1ª Vara da Comarca de Coruripe, onde corre o processo de falência.

O impasse na Justiça tem dificultado a solução do problema das usinas, que estão desativadas.

As unidades estão sendo administradas pela massa falida Laginha Agroindustrial SA. “Foram feitas várias manobras judiciais, com recursos meramente protelatórios pelo João Lyra”, ressalta o advogado Leonardo Altef, ex-secretário de governo de Ituiutaba (MG), que vem acompanhando o caso.

Usina Vale do Paranaíba
Localizada em Capinópolis (MG), trata-se de unidade industrial destinada à fabricação de açúcar e álcool. Teve a instalação efetivada no período de 2001-2003, com área própria escriturada 3.228,8775 hectares, área agricultável 1.744,50 hectares. O canavial tem uma produtividade média de 90TCH. Já a capacidade industrial é de 1,7 milhão de toneladas/safra. Seus bens e direitos da unidade foram avaliados em R$ 211,3 milhões.

A Vale do Paranaíba está desativada há cerca de quatro anos. A usina é a maior empregadora e geradora de impostos para Capinópolis.

Usina Triálcool
Localizada em Canápolis (MG), é destinada a fabricação de açúcar e álcool, possuindo uma grande área irrigada, com aproveitamento da água utilizada no processo industrial e pela energia elétrica gerada pela própria usina, distribuída por uma rede com mais de 150km de linhas de alta tensão. Possui áreas rurais próprias escrituradas de 8.197,95 hectares e área agricultável de 4.364,10 hectares. A capacidade da unidade industrial é de 1,8 milhão de toneladas por safra. O canavial tem uma produtividade de 87 TCH. Já seus bens e direitos da unidade foram avaliados em R$ 227,7 milhões, sem incluir o valor da cana-de-açúcar e socaria.


Leia mais sobre Justiça


Acusados de matar criança de 5 anos em Maribondo vão a jú...

Professor que comparou cerveja escura a mulher negra se t...

Fachin aguarda decisão do plenário do STF para enviar den...

Empresário é condenado a 57 anos por transmitir estupro d...

Justiça condena Supermercado Extra a indenizar cliente ac...

Lula diz que Palocci é calculista, frio e simulador

Pedido de vista adia julgamento de prisão de prefeito de ...

São Miguel dos Campos e mais quatro municípios aderem ao ...

MPF denuncia Lula, Gilberto Carvalho e mais cinco na Oper...

Procurador pede que STF derrube emenda que liberou vaquejada

Publicidade