Gente


13/05/2017 | 09:45 | AlagoasWeb com G1

Suzane Von Richthofen matou a mãe, mas vai passar o Dia das Mães em casa


Camilla Motta/G1

Suzane Von Richthofen deixa penitenciária com namorado em Tremembé


Suzane von Richthofen, condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, deixou na sexta-feira (12) a Penitenciária Feminina Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé. Apesar de ter matado a mãe, ela é beneficiada pela saída temporária dos Dia das Mães.

A saída é um benefício concedido aos presos do regime semiaberto que tem bom comportamento. Suzane, que não é mãe, deixou a prisão por volta de 8h e deverá retornar ao local na próxima quarta-feira (17). Ela ficará, segundo reportagem do G1, em um endereço na cidade de Angatuba (SP), onde o namorada mora com a familia.

Na saída da penitenciária ela encontrou com o namorado e o cumprimentou com um beijo. O casal permaneceu no carro por cerca de 10 minutos antes de deixar o local.

Suzane e os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos de Paula e Silva foram condenados em 2006 pela morte dos pais dela, o engenheiro Manfred e a psiquiatra Marísia, pais de Suzane, em 2002.

Benefício
Suzane tem direito a saída temporária porque é detenta do regime semiaberto e apresenta bom comportamento na penitenciária. As presas nesse sistema trabalham durante o dia, dormem na prisão e têm cinco saídas temporárias no ano, sendo Dia das Mães, Páscoa, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Natal e Ano Novo.

Outras detentas também deixavam o presídio para a saída temporária.

Publicidade
Câmara de Vereadores

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário