Interior


17/06/2017 | 08:40 | Assessoria

Parceria entre prefeitura e Senai garante permanência da instituição em São Miguel dos Campos

 

Assessoria

Prefeito Pedoca e coordenador do Senai, Alan Souza


O prefeito de São Miguel dos Campos, Pedro Ricardo Pedoca Jatobá (Pedoca), esteve reunido na última terça-feira, dia 13, com o coordenador do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) Alan Souza. O objetivo do encontro foi firmar uma parceria que vai promover a capacitação profissional, principalmente de mulheres miguelenses, para garantir mão de obra especializada.
 
A parceria com a atual gestão vai manter aberta a unidade do SENAI de São Miguel dos Campos que, por conta da crise econômica do Brasil somada a falta de parcerias com a gestão anterior, estava prestes a fechar suas portas.
 
“A parceria vai resgatar a unidade do SENAI em São Miguel que estava para fechar. Também vai garantir a qualificação profissional para que os miguelenses possam arrumar emprego tanto em São Miguel, quanto em outros municípios”, analisou o prefeito.
 
Serão oferecidos cursos nas áreas industriais e de construção civil. As vagas profissionalizantes serão para as famílias do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família.
 
O município também vai estreitar a parceria com o Sistema Nacional de Emprego (SINE). O objetivo é a saída do curso diretamente para a empregabilidade.
 
“O mercado, muitas vezes deixa de absorver mão de obra pela falta de qualificação profissional, e daí a importância em estreitar laços e firmar parcerias com o SENAI, de modo a qualificar os trabalhadores miguelenses, e estes terem maiores oportunidades de inserção no mercado de trabalho”, afirmou a secretária de Habitação, Trabalho e Assistência Social, Decite Sá.

Publicidade
Câmara de Vereadores

0

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vedada a inserção de comentários que contenham palavras torpes e que violem a lei e os bons costumes. O AlagoasWeb poderá retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Deixe seu comentário