Orcilene Maria

Viva+

Ferritina elevada: o que mudar na alimentação?

Reprodução Google

Você sabia que a ferritina é uma proteína responsável pelo estoque de ferro no sangue? Sim, é isso mesmo, pois, para ajudar a controlar, deve-se ser evitados alimentos ricos em ferro, e acrescentar alimentos que diminuem absorção de ferro no nosso organismo.

A função da ferritina é carregar e armazenar o ferro e mediar o processo de inflamação, pois a mesma é produzida pelo fígado, é encontrada em grandes quantidades no fígado, baço e medula óssea. Sendo que a ferritina é uma alteração no quadro inicial da anemia, pois, nem sempre o excesso de ferro, quer dizer que está alta. E você se pergunta: Como pode a ferritina está alta sem excesso de ferro no sangue? O que pode causar essa confusão, é por ela ser uma proteína que se eleva em diversas condições, como infecções, processos inflamatórios e alguns cânceres.

Normalmente o excesso de ferro está ligado à uma doença genética chamada homocromatose que leva o aumento da absorção de ferro no intestino, mas também pode estar ligado ao excesso de transfusões de sangue e suplementos vitamínicos rico em ferro. Os níveis de ferro no sangue podem ser detectados através de exames de sangue, que além de informar a quantidade ferro no sangue, informam também a quantidade de ferritina.

Veja alguns sintomas que são causados pelo excesso de ferro no sangue
  • Cansaço
  • Fraqueza
  • Queda de cabelo
  • Impotência
  • Perda de peso
  • Dor abdominal
  • Dor nas articulações
  • Arritmias
  • Inchaço entre outros.
Hemostasia: o que é, etapas (primária, secundária e fibrinólise) e ...
Imagem reprodução Google
Quais os alimentos que elevam a ferritina no organismo?
  • Carnes vermelhas
  • Moela
  • Fígado
  • Frutos do mar
  • Vegetais verde escuros (couve-folha, espinafre e etc.)
  • Feijão entre outros.
Alimentos que ajudam a diminuir a absorção do ferro
  • Leite
  • Queijos
  • Iogurtes
  • Café
  • Oleagininosa (nozes, amêndoas, amendoim e avelã)
  • Chá verde entre outros.

Portanto, não se deve fazer restrições de alimentos ricos em ferro em sua dieta sem ter nenhum diagnóstico médico ou nutricional. E você que faz tratamento para regular a ferritina, evite o consumo de alimentos ricos em vitamina C, pois os mesmos ajudam na absorção do ferro no organismo. Sendo assim, não deixe de seguir as orientações do seu médico ou nutricionista.

Se liga na dica…

É importante que você procure um nutricionista para fazer uma dieta de acordo com suas necessidades.

error: Conteúdo protegido. Você pode solicitar atraves do Whatsapp 82.9311-2225
banner_otica_diniz