Pesquisadores criam mão biônica idêntica à mão humana

Publicado por Redação

Fonte SNB com BrightVibes

Imagens Reprodução

18 de outubro de 2020 às 9:29

Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print
Compartilhar no telegram
Uma mão biônica próxima da estética e funcionalidades da mão humana.

Um coletivo de pesquisadores, ortopedistas, designers industriais e pacientes na Itália desenvolveram uma prótese de mão chamada Hannes que é capaz de restaurar mais de 90% da funcionalidade de pessoas com amputações de membros superiores.

A criação foi publicada na Science Robotics no final do mês passado.

Funcionalidade

A mão tem um pulso totalmente móvel, pesa 450 gramas, executa uma pegada totalmente fechada em menos de um segundo, exerce 15 kg de força e tem uma bateria de 24 horas.

É semelhante a uma mão humana e, sendo desenvolvido diretamente com os pacientes, tem uso prático imediato.

A prótese é capaz de replicar as principais propriedades biológicas da mão humana: movimento sinérgico natural e adaptável; níveis biomiméticos de força e velocidade; alto antropomorfismo e agarre robustez.

A prótese é um sistema mioelétrico que pode ser usado durante todo o dia e é ajustável a uma variedade de deficiências do membro superior.

Fotos: divulgação
Fotos: divulgação
Movimento

Uma série de sensores eletromiográficos de superfície colocados em um encaixe personalizado detecta a atividade dos músculos do membro residual na parte inferior ou superior do braço, que são contraídos ativamente pelo usuário para realizar vários movimentos.

Depois de um período de treinamento de menos de uma semana, os pacientes podiam usar Hannes de forma autônoma para realizar atividades de vida diária e isso inclui até segurar um lápis e manuseá-lo.

O protótipo inclui mão e punho, cujas principais características são a maciez e a capacidade de se adaptar dinamicamente à forma dos objetos de agarrar.

Bluetooth conectado

Por meio de um software especialmente desenvolvido e de uma conexão Bluetooth, é possível personalizar os parâmetros operacionais da mão, como a precisão e a velocidade dos movimentos, para garantir a experiência mais otimizada para cada usuário.

Para avaliar a eficácia e usabilidade do Hannes, ensaios-piloto com amputados foram realizados no Centro Protesi Inail, e os pesquisadores descobriram que após um período de treinamento de menos de uma semana, os pacientes podiam usar o Hannes de forma autônoma para realizar atividades da vida diária.

loading...
error: Conteúdo protegido. Você pode solicitar atraves do Whatsapp 82.9311-2225
banner_otica_diniz