Justiça eleitoral desmente ‘boatos’ que juiz proibiu eventos políticos após encontro tumultuado entre coligações rivais em São Miguel dos Campos

Publicado por Redação

Fonte AlagoasWeb

Imagens Reprodução

09 de novembro de 2020 às 16:59

Reprodução
Agenda dos candidatos devem seguir normalmente até o dia 14

A direção do Cartório Eleitoral de São Miguel dos Campos, desmentiu, nesta segunda-feira(09), que o juiz dr. Helestron Silva da Costa, da 18ª Zona, tenha proibido eventos políticos após o tumulto ocorrido na manhã de hoje, depois do encontro de correligionários dos candidatos George Clemente (MDB) e Fernando Pereira (PP).

O tumulto causou pânico em pessoas que faziam compras na região do Centro Comercial José Torres Filho (Mercado Público) e quase acabou em vias de fato. “Algumas pessoas correram pensando que poderia acontecer o pior, outras foram embora antes de terminar as compras”, contou um comerciante.

Correligionários de George afirmam que já estavam no local quando a turma do candidato Pereira chegou, “inclusive nosso evento estava agendado para acontecer aqui, vieram com a intenção de tumultuar”, afirmou um dos integrantes do grupo.

A equipe do outro candidato rebateu, dizendo que ninguém provocou tumulto, “a turma que acompanha esse cidadão (George) todo mundo já conhece, gostam da confusão, da bagunça, da provocação”, defendeu um apoiador de Fernando Pereira.

Em contato com Cartório Eleitoral (18ª Zona), a reportagem do AlagoasWeb foi informada que o episódio chegou ao conhecimento da Justiça, mas, ao contrário do que vem sendo divulgado em redes sociais, o juiz não tomou nenhuma decisão, até o momento, no sentido de proibir os eventos até as vésperas da eleição.

error: Conteúdo protegido. Você pode solicitar atraves do Whatsapp 82.9311-2225
banner_otica_diniz