Militar alagoano morre após ser alvejado na cabeça durante assalto em Porto de Galinha

Publicado por Redação

Fonte AlagoasWeb

Imagens Cortesia BPRv

21 de novembro de 2020 às 7:02

Cortesia BPRv
Bulhões está sendo submetido a procedimento cirurgião em Recife

O militar Johnson Bulhões da Rosa Silva, de 27 anos, integrante do Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRv), da PM de Alagoas, morreu após ser alvejado com um disparo de arma de fogo na cabeça, na noite desta sexta-feira(20), no Calçadão da Vila de Porto de Galinhas, em Ipojuca, Região Metropolitana do Recife (PE).

O soldado passeava com a família, quando foi abordado por dois assaltantes em uma motocicleta.

De acordo com o BPRv, os criminosos estavam de arma em punho e perguntaram se ele (Bulhões), estava armado, supostamente por já terem observado o militar minuto antes de executaram o assalto.

O policial reagiu a ação dos bandidos, mas acabou sendo atingido por um disparo de arma de fogo na cabeça. A arma do PM foi levada pelos bandidos.

Ainda segundo informações do BPRv, o estado de saúde do militar era considerado gravissimo. Ele foi socorrido e levado para o Hospital da Restauração em Recife, mas não resistiu e entrou em óbito durante procedimento cirúrgico.

Guarnições do BOPE, Rádio Patrulha (RP) e 18º BPM de Ipojuca estão à procura dos criminosos. O 6º BPM em Alagoas, enviou guarnições do PELOPES para dar apoio a polícia pernambucana nos trabalhos de caça aos bandidos.

O BPRv também enviou guarnições para reforçar os trabalhos. “Estamos em contato direto com a esposa do militar, ainda em estado de choque”, esclareceu o comodante do BPRv, cel. Liziário.

A informação da morte foi dada pelo comandante, após, na manhã de hoje, falar com a esposa do militar. O corpo do soldado deve ser translado para Alagoas na tarde de hoje.

Atualizado às 7h28

error: Conteúdo protegido. Você pode solicitar atraves do Whatsapp 82.9311-2225
banner_otica_diniz