Apple diminui o preço da linha iPhone 11 no Brasil

COMPARTILHE
Por: Olhar Digital  Data: 14/09/2021
Fonte de Imagem: Divulgação/Apple

Em uma terça-feira (14) agitada com o lançamento do novo iPhone 13, a Apple alterou seu catálogo de produtos comercializados no Brasil. A boa notícia é que o iPhone 11 já pode ser comprado por valor menor que em seu lançamento, começando em R$ 4.999 e ele toma o lugar do iPhone XR.

A Apple não tem o costume de lançar smartphones para cobrir cada faixa de preço do mercado, atitude bem conhecida de empresas como Samsung e Motorola. No lugar de criar novos intermediários, a empresa da maçã reduz o preço de seus modelos mais antigos, tornando os aparelhos mais acessíveis – ou menos caros.

Uma das alterações aconteceu com a troca do iPhone XR pelo iPhone 11 como versão mais em conta para quem não quer partir para o iPhone SE. A partir desta semana os preços para o iPhone 11 ficam assim:

ModeloDeParaQueda de preço
iPhone 11 64 GBR$ 5.699R$ 4.99912,28%
iPhone 11 128 GBR$ 6.199R$ 5.49911,29%

Os novos valores acabam por recompor o reajuste feito pela Apple em outubro do ano passado, quando estes modelos passaram a refletir a desvalorização descontrolada da nossa moeda. Este cenário não piorou nos últimos 12 meses (ao contrário da inflação, seja medida pelo IPCA ou IGP-M), com a variação cambial acumulando queda. O dólar custava R$ 5,27 em 14 de setembro de 2020, contra R$ 5,26 agora, na mesma data de 2021.

iPhone 11 é um ótimo “intermediário potente”

O iPhone 11 é visto pela Apple como o sucessor para o iPhone XR, entrando em uma categoria criada pela empresa como um intermediário muito potente. De fato o chip A13 Bionic continua sendo um dos processadores mais potentes do mercado.

Em uma busca rápida pelas melhores e mais recentes pontuações dentro do banco de dados do Geekbench, o iPhone 11 ainda consegue resultados superiores ao mesmo teste realizado em um Galaxy S21 Ultra, modelo lançado pela Samsung quase um ano e meio depois do celular da Apple.

Enquanto o iPhone 11 (sem ser os modelo Pro ou Pro Max, que têm 1 GB extra de RAM) marcou 3.365 pontos no teste multi-core e 1.332 no focado apenas em um núcleo, o celular mais potente da Samsung para 2021 registrou 2.225 e 596 pontos respectivamente.


últimas notícias