Covid Alagoas dia 20/04: Estado conta mais de 4 mil mortos pelo virus

fonte

Redação /

Com SESAU/AL

imagem

Akos Stiller/Bloomberg

data - hora

20 de abril de 2021 às 16:48

fonte

Redação /

Com SESAU/AL

imagem

Akos Stiller/Bloomberg

data - hora

20 de abril de 2021 às 16:48

Akos Stiller/Bloomberg

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), desta terça-feira (20),confirma mais 362 novos casos de Covid-19 em Alagoas. O estado tem um total de 167.401 casos confirmados. 3.121 pessoas estão em isolamento domiciliar. 159.468 finalizaram o período de isolamento e estão recuperados da doença. Há 8.662 casos em investigação laboratorial.

Nas últimas 24 horas foram registradas mais 23 mortes e Alagoas chegou 4.014 óbitos por Covid-19.

Covid Alagoas dia 19/04: homem de 102 anos esta entre as 23 novas vitimas do virus

Óbitos – No boletim de hoje foram registradas mortes de 11 vítimas na capital e 12 no interior. As vítimas de Maceió eram cinco homens, de 53 anos, dois de 59, um de 60 e um de 70, e seis mulheres de 49, 65, 70,72, 73 e 74 anos. O homem de 53 anos não tinha comorbidades e morreu no HGE, o primeiro homem de 59 anos era obeso e morreu no Hospital da Mulher (HM), o segundo não tinha comorbidades e morreu na Santa Casa de Maceió; o de 60 tinha doença cardiovascular e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), o de 70 não tinha comorbidades e morreu no Hospital Vida, a mulher de 49 anos era obesa e morreu no Hospital Veredas, a de 65 tinha doença cardiovascular, diabetes e morreu no Hospital da Mulher (HM), a de 70 era hipertensa e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), a de 72 era hipertensa e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), a de 73 tinha doença cardiovascular e morreu na Santa Casa de Maceió; e a de 74 anos era diabética, hipertensa e morreu no Hospital Veredas.

Às 12 vítimas que residiam no interior eram, sete homens, um de 44, dois de 68, um de 69, e um de 73 anos, um de 77 e um de 78 anos, e cinco mulheres, uma de 32, uma de 39, duas de 59 e uma de 72 anos. O homem de 44 anos, era de Murici, tinha obesidade e morreu no Hospital Universitário (HU) de Maceió; o primeiro de 68 anos, morava em Palmeira dos Índios, não tinha comorbidades e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), o segundo morava em Palmeira dos Índios, tinha diabetes, hipertensão, doença renal crônica e morreu no Hospital da Unimed; o de 69 morava em Olho d’Água do Casado, tinha doença cardiovascular crônica, hipertensão e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), o de 73 morava em Palmeira dos Índios, tinha doença respiratória crônica, hipertensão e morreu na Santa Casa de Maceió; o de 77 residia em Arapiraca, era tabagista e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), o de 78 era de Arapiraca, era diabético, hipertenso e morreu no Hospital Chama, a mulher de 32 anos, morava em Japaratinga, tinha diabetes, doença respiratória crônica e morreu no Hospital Regional do Norte (HRN), em Porto Calvo; a de 39 residia em Campo Alegre, era hipertensa, obesa e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), a primeira de 59 anos era de Japaratinga, tinha hipertensão e morreu no Hospital Regional do Norte (HRN), a outra morava em Arapiraca, era diabética, hipertensa e morreu no Hospital Regional de Arapiraca; a de 72 morava em Arapiraca, tinha hipertensão e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca.

error: Conteúdo protegido. Você pode solicitar atraves do Whatsapp 82.9311-2225
banner_otica_diniz